Entre brumas, sobre vastos mares
Maurice Laumann (2017)
Brochura, miolo em papel pólen soft 80gr, 148págs.
Formato: 20x13cm.
Tiragem de 50 exemplares.
Tradução e apresentação de Camilo Prado.
Revisão de Celina de Almeida.
Com 9 ilustrações p/b.

R$ 25,00 (+ R$ 7,00 de envio - registrado econômico)
Aquisição: edicoes.nephelibata@gmail.com


Ernest Maurice Laumann (1863-1928) é mais um dos muitos escritores franceses da virada do século XIX-XX que caiu no esquecimento. Dele não se sabe muito, e, no entanto, sabe-se que publicou bastante. Escreveu para o teatro, para o cinema, muitos romances de folhetim, dramas, obras de ficção científica e literatura fantástica, e nesta, os contos que aqui estão. Trata-se dos únicos dez contos que Laumann escreveu.
  Nesses contos (de mares, selvas, abismos), publicados em revistas de folhetim entre 1919 e 1927, nota-se que Laumann mantém um perfeito equilíbrio entre o real e o inverossímil, numa atmosfera de horror que nunca chega ao sobrenatural, mas empurra fatalmente o leitor para as paragens assombrosas e fascinantes do fantástico.


Contos: Vincent / O mistério de Marte / No fundo dos mares / O abismo / Entre brumas, sobre vastos mares / Na caixa de vidro / No coração pútrido da floresta / Sinais no céu / Os terrores do mar / O Alcyon.

    

 


 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Nephelibatas em movimento